O tango Volver.

imagem _ o tango Volver. Penélope Cruz.
O tango Volver. Cena do filme de Pedro Almodóvar com Penélope Cruz.

Perceber o passado…

O tango Volver:  é um dos míticos tangos. Muitos não sabem, mas a sua letra é feita por um brasileiro. Em diversas versões, cinematográficas, para shows ou em idealizações pessoais,  sempre traz em si, uma reflexão profunda e própria para o próprio passado.

O tango Volver




Alfredo le Pera fez a música para o tango de seu amigo Carlos Gardel. Esse argentino, aquele brasileiro. Um tango de 1935 que sempre surge e ressurge em filmes e interpretações variadas.

Na clássica interpretação do mítico Gardel, tem no vídeo a seguir uma das primeiras interpretações:

No cinema

O tango Volver está no filme de Pedro Almodóvar, sob o mesmo título, nadramática cena com Penélope Cruz interpretando em um play back cantado por Estrela Morente.

 

 

 Para quem quiser…

Apaixonado pela Penélope, e, hipnotizado pela apresentação dela…eu precisei assistir um vídeo da própria  Estrella Morente para acreditar. Mas não há dúvidas, a própria ficha técnica do filme firma a apresentação.

Caso queira conferir:

 




 Um convite…

E você, enfrenta o seu passado? Na interpretação de Piazzolla e Troilo, dizem que o primeiro, após um grande sucesso internacional, volta para Buenos Aires e, em um duo, com o segundo – grande amigo e até mesmo mestre – fazem uma bravíssima interpretação. Só os dois. Cada qual remoendo em seu bandoneón nota por nota o tango Volver. Talvez, remoendo o próprio passado.

 

O convite é simples: você estaria com disposição para perceber a você mesmo no passado? A resposta é sua. Mas lembre-se “veinte años no es nada,“.

Letra

Yo adivino el parpadeo
de las luces que a lo lejos,
van marcando mi retorno.
Son las mismas que alumbraron,
con sus pálidos reflejos,
hondas horas de dolor.
Y aunque no quise el regreso,
siempre se vuelve al primer amor.
La quieta calle donde el eco dijo:
“Tuya es su vida, tuyo es su querer”,
bajo el burlón mirar de las estrellas
que con indiferencia hoy me ven volver.

Volver,
con la frente marchita,
las nieves del tiempo
platearon mi sien.
Sentir, que es un soplo la vida,
que veinte años no es nada,
que febril la mirada
errante en las sombras
te busca y te nombra.
Vivir,
con el alma aferrada
a un dulce recuerdo,
que lloro otra vez.

Tengo miedo del encuentro
con el pasado que vuelve
a enfrentarse con mi vida.
Tengo miedo de las noches
que, pobladas de recuerdos,
encadenen mi soñar.
Pero el viajero que huye,
tarde o temprano detiene su andar.
Y aunque el olvido que todo destruye,
haya matado mi vieja ilusión,
guarda escondida una esperanza humilde,
que es toda la fortuna de mi corazón.




imagem _ o tango Volver. Penélope Cruz.
O tango Volver. Cena do filme de Pedro Almodóvar com Penélope Cruz.

 

Qual a diferença entre milonga e tango?

Clique AQUI.

Be the first to comment

Deixe uma resposta